Crie os aplicativos que seu negócio necessita com App Maker

Notícias G Suite

É fácil se acostumar a fazer as coisas de certa maneira. Isso pode ser algo bom se você estiver se preparando para a Copa do Mundo, onde o processo, a repetição e a rotina podem fazer de você um campeão.

Mas se você é como nós que confiamos em certos fluxos de trabalho para fazer as coisas no trabalho -como orçamentos ou apresentação de gastos- “confiar no processo” nem sempre resulta gratificante.

Atualmente, o Google disponibiliza o App Maker para te ajudar a reconsiderar como funcionam suas equipes. App Maker é o ambiente de desenvolvimento de aplicativos de baixo código do G Suite que facilita para as equipes a criação de aplicativos personalizados para acelerar os fluxos de trabalho e melhorar os processos.

Aplicativos para preencher lacunas comerciais, construídas para suas necessidades

Os analistas estimam que o aplicativo móvel personalizado correto pode economizar à cada funcionário 7.5 horas por semana (isso equivale a uma semana de descanso para o almoço!). No entanto, poucas empresas têm os meios, e muito menos os recursos, para inverter tempo e esforço na criação de aplicativos personalizados. Por quê? Devido ao seu orçamento de TI se concentrar em grandes aplicativos empresariais como CRM, ERP e SCM e além dessas prioridades, a atenção dos executivos de TI se concentrar na segurança e administração.

App Maker foi criado para permitir que as equipes de sua linha de negócio construam aplicativos para os trabalhos que estes aplicativos maiores não abordam. Com App Maker, você pode moldar os processos da empresa, tais como a solicitação de ordens de compra, ou você pode acelerar os fluxos de trabalho da empresa, como arquivar e resolver tickets de Helpdesk, como se você mesmo tivesse projetado e construído os processos.

“Reunir recursos de talento sempre foi um processo ad hoc, mas o App Maker nos permitiu criar rapidamente um aplicativo que realiza um seguimento das solicitações de assinatura em detalhe”.

– Peter McAuley, Director de TI, EA

Tomemos por exemplo, Electronic Arts (EA), uma companhia global de software de entretenimento interativo que faz jogos e muito mais. Para criar muitos de seus jogos, a EA tem que atribuir ocasionalmente recursos de pessoal para diferentes projetos, seja pela necessidade de um designer em um novo projeto de jogo ou um consultor de recursos humanos para assessorar sobre a configuração de um estúdio. O departamento de TI da EA utilizou App Maker para criar um aplicativo personalizado que otimiza os recursos de capital.

“Reunir recursos de talento sempre foi um processo ad hoc, mas App Maker nos permite criar rapidamente um aplicativo que monitora as solicitações de alocação em detalhe”, disse Peter McAuley, diretor de TI na EA. “Nosso aplicativo personalizado também calcula e proporciona à administração uma visão da utilização total dos recursos por mês, algo que sempre foi uma tarefa árdua de realizar manualmente”.

Nos últimos meses, a Google trabalhou em estreita colaboração com clientes e sócios de todo o mundo, incluindo EA, Colgate-Palmolive, SADA Systems e muito mais, para criar aplicativos que satisfaça necessidades comerciais específicas.

Vídeo: Apresentando Apps Maker

Novo e poderoso modelo de banco de dados e governança

Desde o lançamento do App Maker no Programa para primeiros usuários da Google, foram feitas alterações e novos recursos foram adicionados para torná-lo ainda melhor para os clientes.

  • Aberto: App Maker agora oferece suporte integrado para Cloud SQL (é necessário uma conta GCP), que oferece alto rendimento, escalabilidade e conveniência. Ele também suporta o modelo Bring Your Own Database (“BYODB”), que permite que você se conecte à sua própria base de dados utilizando JDBC ou uma API REST.
  • Rápido: modelos dinâmicos, exemplos, o design da interface de usuário para arrastrar e soltar e a modelagem de dados declarativos facilitam  para os desenvolvedores de TI, ou qualquer pessoa que queira automatizar o trabalho, projetar e criar aplicativos ainda mais rápido.

  • Conectado: Seja Gmail, Calendário ou Planilhas, App Maker torna muito mais fácil conectar-se com os dados e serviços que você necessita, e ao mesmo tempo faz com que seus aplicativos sejam mais potentes. Além disso, você pode utilizar Apps Script para acessar a mais de 40 serviços da Google, Google Cloud Platform e outros serviços de terceiros que admitem JDBC e REST.
  • Administrado: em breve, os administradores de G Suite terão visibilidade sobre os aplicativos que são executados em sua organização, incluindo os proprietários, as métricas de utilização e as permissões de OAuth. Os controles de lista branca ampliada de OAuth significa que os administradores também poderão evitar que os aplicativos sejam executados sem sua aprovação.

Começar

App Maker agora está disponível para todos os clientes de G Suite Business e Enterprise, assim como para os clientes de G Suite for Education. Obtenha mais informações ou conheça como você pode começar com a documentação e este laboratório de programação. O Google espera para ver o que suas empresas constróem com ele.

Detalhes adicionais para administradores de G Suite

App Maker agora está habilitado para seu domínio de G Suite Business, Enterprise, Education ou Enterprise for Education, a menos que você seja um cliente de K-12 G Suite Education ou tenha optado por inserir serviços manualmente. Se o App Maker ainda não estiver habilitado para seu domínio qualificado, você pode ativá-lo na seção Aplicativos> Serviços adicionais do Google no Console de administração.

App Maker vem com suporte integrado para Google Cloud SQL, que requer uma conta de Google Cloud Platform. Para configurar Cloud SQL para o seu domínio, consulte a Central de ajuda da Google. Você também pode conectar App Maker à sua própria base de dados utilizando JDBC ou uma API REST.

Como administrador de G Suite, você pode administrar a utilização de App Maker em seu domínio. Por exemplo, você pode ver a atividade dos usuários que criam aplicativos de App Maker utilizando os registros de auditoria do Drive, ou ver a atividade dos usuários finais dos aplicativos de App Maker nos registros de auditoria de OAuth Token.

App Maker agora é um serviço adicional da Google, mas oferece suporte técnico . Também está em conformidade com a ISO 27001 e SOC (1, 2, 3) e oferece funções de acessibilidade para ajudar a satisfazer as necessidades de seus usuários.

No lançamento, no entanto, o App Maker não está em conformidade com as normas ISO 27017 e 27018. Observe que isso corrige a comunicação anterior.

 

Mais informações:

Central de ajuda – App Maker

Central de ajuda – Gerenciar App Maker em seu domínio

Central de ajuda – Habilitar serviços novos

Central de ajuda – Configurar uma base de dados do Google Cloud SQL para usá-la em App Maker

Central de ajuda – Registro de auditoria do Drive

Central de ajuda – Registro de auditoria do token de OAuth

Guia de desenvolvedores de App Maker

Detalhes do lançamento:

O lançamento tem sido realizado para domínios Rapid Release e Scheduled Release.

Disponível somente para edições de G Suite Business, Enterprise, Education e Enterprise for Education

Desenvolvimento completo.

Impacto: Administradores e usuários

Gostaria de ter mais informações