8 chaves para aumentar a produtividade de seus Field Service

Field Service Management

Para empresas de serviços de manutenção e reparo doméstico, a tecnologia se tornou um aliado fundamental para aumentar a produtividade em todas suas áreas. Graças a isso, eles foram capazes de automatizar seus processos de negócios através dos sistemas FSM (Field Service Management), controlar remotamente vários equipamentos através da Internet das Coisas (IoT), industrializar informações confidenciais dos clientes e monitorar seus técnicos e veículos o tempo todo graças às ferramentas de geolocalização. Com esses avanços, as empresas ou departamentos de Field Service deixaram de ser meros departamentos focados em oferecer atendimento ao cliente para se tornarem geradores de benefícios econômicos significativos para a organização.

aumentar productividad Field Services

Como tornar a sua prestação de Field Service mais produtiva?

Como qualquer outra empresa, as empresas do setor de Field Service visam aumentar o faturamento e a satisfação do cliente. No entanto, eles também enfrentam o desafio de melhorar constantemente a produtividade dos técnicos. Neste artigo do nosso blog, oferecemos 8 chaves para aumentar a produtividade graças ao software FSM

  1. Automatize o maior número de processos. O abandono do papel é a chave do sucesso de uma organização moderna de Field Service. As informações observadas neste suporte pelos técnicos estão sujeitas a vários riscos: perda, deterioração, duplicação do tempo necessário para seu gerenciamento (entrada no endereço do cliente e subsequente introdução no sistema), erros de transcrição etc. A implementação do software de gerenciamento de Field Service, como O Task4Work digitaliza todos esses processos e oferece muito mais precisão e agilidade para gerenciar as informações associadas aos serviços, conforme destacamos em Artigo de blog desta solução
  2. Capacite o técnico. Se o software é a chave, o técnico é o ator principal: permitir que você registre sua atividade real em tempo real usando um dispositivo móvel (smartphone ou tablet) é um dos grandes avanços no setor, como comentamos em artigo anterior. Graças a isso, o técnico pode consultar as informações necessárias sobre o incidente antes de resolvê-lo, preencher os formulários de resolução junto com o incidente em que ele participou e até anotar quaisquer comentários sobre o cliente que contribuam para melhorar e personalizar o serviço. Com um dispositivo móvel, você ganha um tempo precioso que pode ser reutilizado para solucionar mais incidentes e aumentar sua produtividade. Por fim, outro benefício: para 72% das empresas de Field Service, o melhor uso de técnicos e supervisores é um dos principais fatores do retorno do investimento em soluções desse tipo (fonte: Quadrante Mágico do Gartner para Gerenciamento de Field Service).
  3. Integre os diferentes sistemas vinculados ao serviço de campo. A integração das diferentes ferramentas usadas na prestação de serviços em um sistema FSM facilita que o técnico e o supervisor não precisem ir de um aplicativo para outro consultando informações e perdendo um tempo valioso para a resolução de incidentes. Um dos casos mais notáveis ​​é a integração das ferramentas de posicionamento geográfico, como o Google Maps Platform, essenciais para otimizar as rotas e o trabalho diário dos técnicos. Essa melhoria de eficiência é um dos principais objetivos dos gerentes que desejam expandir os negócios das empresas FSM. 
  4. Aproveite as informações provenientes da Internet das Coisas (IoT). Em um artigo anterior deste blog, mostramos a você que o A IoT fornece um volume valioso de dados para empresas de Field Service. Os sensores localizados nas máquinas enviam informações para a empresa de Field Service, que pode compará-la com os valores e agir em caso de desvios perigosos ou executar a manutenção necessária. Gerenciar essas informações com sucesso aumenta o número de tarefas para os técnicos e, consequentemente, sua produtividade.
  5. Planeje e atribua a atividade de maneira inteligente. Um sistema FSM como o Task4Work facilita o planejamento e a atribuição de tarefas. Após registrar previamente o arquivo de cada cliente (com dados como SLA contratado, horário de atendimento preferencial, endereço etc.), é possível planejar a atividade e atribuí-la aos técnicos automaticamente com base nessas variáveis ​​e experiência, conhecimento, localização esperada e disponibilidade do técnico (este último, disponível na agenda do técnico no sistema). Essa automação também permite priorizar intervenções (preventivas e reativas) para atender clientes que informaram os SLAs mais exigentes. 
  6. Otimize o tempo do serviço, garantindo o melhor atendimento ao cliente. Baltasar Gracian, escritor da Era de Ouro, comemorou a frase “Bom, se breve, duas vezes bom”. Aplicado à prestação de serviços, ele se traduz na otimização do tempo dedicado à resolução de cada incidente. Um sistema FSM ajuda a reduzir o tempo total dedicado a esta tarefa, pois:
    1. Quantifica o tempo médio necessário para tipos de operações padrão, o que permite detectar desvios.
    2. Propõe as peças necessárias que precisam ser trocadas, o que evita a espera desconfortável na casa do cliente.
    3. Facilita o registro das observações ou comentários do cliente que permitem intervenções em um futuro próximo, impedindo que sejam resolvidos inesperadamente.
  7. Analise as informações de cada caso. Os Field Service que incluem operações de manutenção ou reparo são uma excelente fonte para a coleta de dados relevantes, conforme discutido em Artigo do nosso blog. Uma solução FSM, como Task4Work, integrada a uma ferramenta de Business Intelligence, oferece painéis que ajudam você a tirar o máximo proveito de seus dados graças a relatórios analíticos, usando Combinações exclusivas de KPIs para os negócios. Dessa forma, é possível conhecer com precisão o desempenho dos equipamentos e técnicos, corrigindo erros e desvios comuns: por exemplo, quais técnicos que passam muitas horas ao volante, que demoram mais para concluir suas tarefas ou aqueles que têm mais tempos ociosos …
  8. Facilitar para o cliente um portal de autoatendimento para pequenas transações. Em muitas ocasiões, um cliente liga para um call center solicitando informações sobre o serviço a ser prestado em alguns momentos, a identidade do técnico, etc., o que afeta a produtividade dos técnicos que recebem chamadas. Oferecer aos clientes um portal de autoatendimento para realizar pequenos esforços e consultar as informações de seus serviços facilita aos técnicos de recebimento de chamadas aumentar sua produtividade e se concentrar nas tarefas que agregam mais valor à organização.

Task4Work É um software completo de Gerenciamento de Serviço de Campo (FSM) que oferece às empresas do setor as funcionalidades necessárias para que possam aumentar sua produtividade com facilidade e rapidez.

Destaca-se pela integração com outros sistemas e tecnologias, como a Internet das Coisas, o Google Maps Platform para otimização de rotas (incluindo informações de tráfego em tempo real) e análises poderosas baseadas em Business Intelligence.

E se você quiser conhecer essa solução FSM, entre em contato e mostraremos como ela pode beneficiar seus negócios.

Gostaria de ter mais informações